The Bible gets clear when we consider the historics happening. And it has to be thus because "AND THE WORD BECAME FLESH AND DWELT AMONG US". Bible Code in detail see: WWW.HOPETALK.ORG. A Bíblia fica clara quando levamos em consideração os acontecimentos históricos. E deve ser assim porque "O Verbo se fez carne e habitou entre nós". Código em detalhe: WWW.BIBLIA.COM.BR | Baixe livros grátis, visite o site www.varandadelivros.com |

domingo, 1 de outubro de 2017

EUA, COREIA DO NORTE, 3ª GUERRA MUNDIAL E AS PROFECIAS DO APOCALIPSE

EUA, COREIA DO NORTE, 3ª GUERRA MUNDIAL E AS PROFECIAS DO APOCALIPSE

A última grande crise da terra pode começar a qualquer momento! Quando a Bíblia fala dessa última grande crise, ela não está falando de algo pequeno e regional; mas sim de algo de proporções que todos sentirão de alguma forma. Alguns acham que será um grande terremoto como descrito no Apocalipse. Outros acham que pode ser um Tsuname que poderá fazer desaparecer cidades do mapa. Outros acham que pode ser a Terceira Guerra Mundial. E, alguns pensam que pode até ser tudo isso junto.
Há razões concretas para se apostar que a Terceira Guerra Mundial seja o estopim dessa última grande crise que se abaterá sobre a Terra antes que o Anticristo e o Cristo venham. Uma coisa é certa – as profecias bíblicas dizem que Jesus não virá sem antes o mundo passar por momentos difíceis como nunca passara antes. E sendo contundente em outros momentos, eu acredito piamente no que Assim Diz o Senhor através da profecia!
Daniel 2, Apocalipse 13, Romanos 1 e Mateus 24 quando analisados em conjunto levam a crer que coisas horríveis aguardam a humanidade. E gostaria de adiantar que o mais doloroso não é a guerra física, e sim a guerra da moralidade, da consciência, da perseguição. Essa guerra mata aos poucos. E Mateus 24 diz que pregação do evangelho será concluído em tempos difíceis. Romano 1, ao falar de Roma, estava fazendo uma crônica de nossos dias. E Daniel e Apocalipse entram na questão com detalhes do que seria a última grande crise que se abaterá sobre a Terra.
Há cinco razões para se crer que o estopim dessa crise será a Terceira Guerra Mundial. Alguns, como Albert Einstein, creem que depois da Terceira Guerra Mundial haveria apenas paus e pedras. Mas será? Eu sei que qualquer guerra entre as potências; as armas atômicas serão usadas. Só que, fora do raio da guerra, a morte não será instantânea. E é isso que pode desencadear os horrores na natureza descrita no Apocalipse.
Vamos às razões:
1.      1. ESCANCARAR A NOM.
A Nova Ordem Mundial já está pronta e operando. Só que poucos conseguem ver. Os países estão em sintonia com algumas rebeldias como os países árabes e os ditos comunistas socialistas utópicos como a Coreia do Norte. Apenas os especialistas e curiosos conseguem ver as manobras que os governos fazem para operar dentro dessa chamada NOM. E nada melhor para escancarar, tornar visível a todos os olhos depois ou durante uma guerra. É só observar como as coisas mudam após uma guerra. Olhe a Primeira Guerra Mundial, a Segundo Guerra Mundial, outras guerras de importância e grandeza.
2.      2. IMPLANTAÇÃO DE LEIS JÁ CRIADAS A NÍVEL MUNDIAL.
Há uma infinidade de ideias através de leis para controlar e restringir. As minorias são as que mais sofrem diante de controles. Essas leis que já estão criadas, muitas vezes ainda não funcionando por algum motivo, tem o objetivo de acabar com a liberdade religiosa e com a liberdade de expressão. Já imaginou não poder opinar nem no Facebook, Youtube, Google, que hoje representam os espaços livres de fato. Aqui qualquer um pode dizer o que pensa...
3.      3. SUCITAR A VERDADEIRA AUTORIDADE POLÍTICA MUNDIAL
A autoridade política mundial terá um papel primordial nas leis que o mundo terá. Essa autoridade deve ter condições moral, ética, política em todo mundo. Quem, hoje, é requisitado e louvado por todo canto do planeta? Ele chega a ter admiradores até dos muçulmanos. Não existe outra figura senão o Papa Francisco. Esse tem quase unanimidade no mundo. O seu antecessor já cunhou o termo “verdadeira autoridade política mundial”. E Francisco sugere, em sua encíclica que trata das questões do clima, que o mundo precisa urgentemente dessa autoridade. Lógico que em meio a uma guerra, o mundo, não só político, mas civil, clamará e apontará a pessoa de Francisco. Ele sempre deu sinais de poder, habilidade política, e "santidade”. Isso pesará muito. O ruim disso tudo é que ele legislará, caso aconteça de ser ele mesmo, sobre o mundo; os dogmas católicos.
4.      4. ELIMINAR CHINA E RUSSIA DA GEOPOLÍTICA DO PODER
Esses dois países são contrários aos EUA. Isso não é por pensar a economia diferente não, mas por querer o posto dos Americanos de Xerife do mundo. E como o Apocalipse 13 diz que EUA são o poder que sobressairá aos demais; uma guerra é a chance de China e Rússia desaparecer do mapa geopolítico do poder. Observe bem que China e Rússia são as únicas que apoiam a Coreia do Norte. O governo chinês deixou claro que defenderá Pyongyang em caso de guerra. E Trump não tem paciência para negociar com o ditador Kim Jong Um. Tudo se encaminha para se desembocar num conflito horrível e de proporções inimagináveis. Não podemos dizer quando isso vai acontecer, pois já tem mais de 50 anos que EUA e Coreia do Norte se engalfinha. São os anjos segurando um conflito que será o estopim para a última grande crise.
5.      5. ANTICRISTO SEM ÀS MÁSCARAS
Uma coisa todos os cristãos devem saber, antes do Cristo vem o Anticristo. E ele se manifestará para enganar com sinais e maravilhas (Veja as cartas de João). E o tempo apropriado para se fazer sinais e maravilhas é o tempo de crise. Hoje poucas pessoas sabem quem é o Anticristo ou os anticristos (auxiliares do Anticristo). Mas chegará um tempo em que todos conseguirão ver, mesmo assim serão enganados porque não se firmaram no Cristo como deveriam. Ler a Bíblia e pedir ajuda ao Espírito Santo são formas de firmarmos em Jesus para não sermos enganados nem hoje e nem amanhã.

O evangelho autêntico de Cristo será pregado em meio a terríveis dores e perseguições. Aproveite e pregue agora, enquanto a guerra não comece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário